'É um direito dele', diz Lula sobre renúncia de Octávio

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse esta noite que a decisão de Paulo Octávio de renunciar ao cargo de governador interino do Distrito Federal é um direito dele. "É um direito dele, de renunciar. É um direto do povo votar pela legislação", afirmou. Lula ressaltou que o presidente da Câmara dos deputados, Wilson Lima, vai assumir o governo do Distrito Federal. "Vai assumir o presidente da Camara Legislativa. Estamos aguardando decisão da suprema corte se vai ter intervenção ou não."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.