É pouco provável Lula ser eleito no 1º turno, diz Sensus

O diretor da Sensus, Ricardo Guedes, disse que o presidente Lula aparece numa situação muito confortável entre os eleitores nos chamados "grotões". "O Lula vai muito bem nos grotões podres, como dizia o ex-governador de Minas Gerais Tancredo Neves", afirmou Guedes. Ele acha pouco provável que o presidente Lula venha a vencer a eleição ainda no primeiro turno e lembrou que Lula aparece hoje com intenção de voto menor do que a votação efetiva que teve nas eleições em 2002.Guedes observou que no primeiro turno das eleições em 2002, o então candidato Lula teve 41,6% dos votos e, no segundo, 53%. Na pesquisa divulgada hoje, o presidente Lula aparece com 40,2% numa simulação de primeiro turno com o prefeito de São Paulo, José Serra, com o ex-governador do Rio, Anthony Garotinho, e com a senadora Heloisa Helena. No segundo turno, contra Serra, Lula teria 47,6% dos votos.Ele também comentou que acha difícil fazer uma previsão sobre a continuidade da tendência de aumento da preferência de votos ao presidente Lula. Guedes ainda explicou que a diferença entre os números da pesquisa do Datafolha e da Sensus provavelmente deve-se ao fato de que a pesquisa divulgada hoje já contempla os acontecimentos referentes ao mês de fevereiro. A pesquisa Datafolha, segundo Guedes, estava restrita ao mês de janeiro. Para 59,4%, deixar prefeitura não afeta imagem de Serra CNT: 19,7% votam em Lula porque "ele cuidou dos mais pobres"Lula tem 40,2%; Serra 28,6% e Garotinho 10,5%, mostra CNT

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.