É possível melhorar política que Palocci coordena, diz Jorge Viana

O governador do Acre, Jorge Viana (PT), reiterou que a direção nacional do PT vai cobrar do presidente Luiz Inácio Lula da Silva mudanças na condução da política econômica. "É possível melhorar ainda mais a política que o ministro Palocci (da Fazenda) está coordenando", disse, após reunião da direção nacional do partido, hoje na capital. Segundo Viana, o PT está hoje no governo e, portanto, não deve ficar "apenas falando", mas deve partir para a ação e para a agenda positiva que propôs na campanha eleitoral. "Sei que este é o sentimento do presidente Lula, de agir, lidar com a crise e seguir em frente, se possível dobrar à esquerda", reiterou o governador do Acre. De acordo com Jorge Viana, a retomada dos compromissos que o PT assumiu na campanha eleitoral, principalmente o da retomada de crescimento da economia e da geração de empregos, devem ser colocados em prática. "Poderíamos ter aproveitado mais o cacife do presidente Lula e do governo do PT para ajudar a reformar organismos de validades vencidas, tais como o FMI." Para Viana, a reforma desses organismos é fundamental para colocar em prática um crescimento econômico baseado não no sofrimento dos menos favorecidos, mas sim em bases mais modernas. "Fico feliz, por exemplo, com as medidas que o presidente Lula já adotou em relação ao FMI", acrescentou. "Além da nota que divulgamos hoje, temos que tomar atitudes, pois o governo não fala, age."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.