Duda e sua sócia são denunciados por quatro crimes

O relatório final da CPI Mista dos Correios pediu o indiciamento do publicitário Duda Mendonça, ex-marqueteiro de Lula, que é acusado de crime eleitoral e de sonegação fiscal.Mais adiante, o indiciamento de Duda e de sua sócia Zilmar Fernandes é recomendado pelos crimes de remessa indevida de recursos ao exterior e recebimento de dinheiro de origem duvidosa. Duda confessou, em depoimento à CPI, que havia recebido do PT US$ 10,5 milhões no exterior, em uma conta chamada Dusseldorf, em Nova York, mas não declarou esse dinheiro ao Fisco. Por isso, a CPI pede que ele e Zilmar sejam indiciados também por sonegação fiscal e crime contra o sistema financeiro nacional e contra a ordem tributária, além de lavagem de dinheiro.

Agencia Estado,

29 de março de 2006 | 19h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.