Duas novas mortes por Sars na China e em Hong Kong

Duas mortes foram relatadas hoje pelas autoridades de Saúde da China e de Hong Kong. Mas nenhum novo caso de contágio foi determinado neste domingo. Taiwan confirmou hoje mais três casos de Sars.A Síndrome Respiratória Aguda e Severa, que matou 781 pessoas em todo o mundo e deixou mais de 8.300 infectadas, dá sinais de regressão na Ásia, a região mais afetada.Neste sábado, a Irlanda concordou com uma proposta de Hong Kong e deixou os atletas paraolímpicos do território autônomo chinês entrarem no país. Pela proposta os atletas do Hong Kong ficariam em quarentena por dez dias, antes da competição, que começa dia 21 de junho, em Dublin.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.