Hélvio Romero|Estadão
Hélvio Romero|Estadão

Doria ganha apoio do PHS e PMB na corrida pela Prefeitura de SP

Segundo dirigente tucano, candidato já conta com 13m55s no horário eleitoral

Pedro Venceslau, O Estado de S. Paulo

17 de junho de 2016 | 12h08

 

SÃO PAULO - O empresário João Doria, pré-candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, recebeu nesta sexta-feira, 17, o apoio de mais dois partidos, o PMB, Partido da Mulher Brasileira, e o PHS, Partido Humanista da Solidariedade.

Na segunda-feira, 13, o PSB já tinha declarado apoio ao Doria. Em um discurso feito para correligionários, o coordernador da pré-campanha, Júlio Semeghini, afirmou que o tucano já tem direito a 13 minutos e 55 segundos para aparecer no futuro horário eleitoral na TV.

A contabilidade do PSDB leva em conta o tempo do PMB, que foi usado como "partido de passagem" no período de janela partidária do ano passado. 

Fundado em setembro de 2015, o Partido da Mulher Brasileira atraiu 24 deputados federais, mas hoje tem apenas um. 

Os deputados foram embora sem perder o mandato, mas o tempo de TV e os recursos do Fundo Partidário ficaram com a sigla. 

"Viramos a noivinha da eleição. Estamos sendo disputados à tapa em todo País", disse a presidente do PMB, Sued Haidar. "Temos o 8° maior tempo de TV", concluiu. 

O vereador Mário Covas Neto, presidente do PSDB da capital, disse que esse tempo de TV "será bem usado pelo Doria, que é um comunicador".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.