RAFAEL ARBEX/ESTADÃO
RAFAEL ARBEX/ESTADÃO

Doria defende antecipação da convenção do PSDB para outubro

Calendário oficial, divulgado nesta sexta, marca para dezembro a executiva nacional; secretário-gerla da sigla afirma que mudança seria 'inviável'

Pedro Venceslau, O Estado de S.Paulo

18 Agosto 2017 | 21h04

O prefeito João Doria defendeu nessa sexta-feira, 18, que o PSDB antecipe para outubro a escolha da nova direção nacional do partido. Pelo calendário oficial divulgado nesta sexta, o novo comando será definido em dezembro.

“Aécio deve antecipar as eleições do Diretório Nacional para outubro. Isso ajudaria a serenar o PSDB’, disse Doria ao Estado/Broadcast. 

+ Doria xinga Lula de 'preguiçoso' e 'corrupto'

As regras preveem que as convenções zonais e municipais, para localidades com menos de 500 mil eleitores, serão realizadas em outubro. No caso das convenções estaduais, a data é o 11 de novembro. A convenção nacional do PSDB, que vai definir uma nova Executiva para o partido, foi marcada para 9 de dezembro.

Pelo estatuto da legenda, o senador Aécio Neves (MG), presidente afastado, tem a prerrogativa de tirar o senador Tasso Jereissati (CE) da presidência interina e escolher entre um dos oito vice-presidentes quem comandaria o partido até o fim do ano.

Essa possibilidade foi ventilada por lideranças do PSDB após Jereissati encomendar e colocar no ar um programa de TV partidário sem consultar outros correligionários.

“Antecipar (a convenção) é inviável. Há uma decisão que segue o estatuto e respeita os prazos necessários para a sequencia de convenções” , disse o deputado Silvio Torres (SP), secretário-geral do PSDB.

Tasso e Silvio Torres definiram as datas para a realização das convenções partidárias municipais, estaduais e nacional, acertadas durante a última reunião da Executiva Nacional, no último dia 9 de agosto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.