Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Doria critica descumpridores das regras de quarentena em São Paulo: 'Inimigos da vida'

Durante entrevista coletiva, o governador de São Paulo anunciou plano de retomada da atividade econômica

Redação, O Estado de S.Paulo

22 de abril de 2020 | 13h33

Ao anunciar o plano de reabertura gradual da economia em São Paulo, o governador João Doria (PSDB) criticou todos os cidadãos que descumpriram as determinações do governo estadual e das prefeituras sobre o novo coronavírus. Classificando-os como "inimigos da vida", Doria afirmou que pediu resposta dos oficiais de segurança pública ao descumprimento. A declaração foi feita nesta quarta-feira, 22, durante uma coletiva de imprensa.

"Desrespeitaram, sem máscaras, as orientações do governo e da Prefeitura de São Paulo" e "se tornaram amigos e defensores do vírus e inimigos da vida", disse Doria.

O governador ainda afirmou que recomendou aos oficiais de segurança pública que tomem medidas contra quem estiver "sabotando a saúde e os profissionais de saúde".

"Façam suas manifestações de forma segura, pela internet, mas não sejam irresponsáveis de fazerem isso na rua, nas avenidas de São Paulo, e ainda tentando bloquear algumas vias da cidade", alertou.

Durante coletiva, Doria ainda anunciou a reabertura gradual da economia em algumas cidades do Estado, sob o "Plano São Paulo", a partir do próximo dia 11. O governador afirmou que levará em conta situações locais, regionais e setores que possam retomar a economia com as devidas medidas de proteção.

Tudo o que sabemos sobre:
João Doriacoronavírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.