Leonardo Soares/AE
Leonardo Soares/AE

Dona Marisa está sedada e seu quadro é estável, diz boletim médico

A ex-primeira-dama segue na UTI do Hospital Sírio Libanês após sofrer AVC na última terça-feira, 24

Thaís Barcellos, O Estado de S. Paulo

26 de janeiro de 2017 | 12h34

A ex-primeira dama Marisa Letícia, esposa do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, está sedada e com a pressão intracraniana controlada, segundo o novo boletim médico do Hospital Sírio-Libanês, divulgado há pouco. De acordo com o documento, Marisa permanece internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital e seu estado de saúde segue estável.

O Instituto Lula disse que não tem informações sobre a presença de Lula no local. Na última quarta-feira, 25, o vereador Eduardo Suplicy (PT) visitou o ex-presidente e afirmou que Lula se mostrou preocupado com a saúde da mulher, embora estivesse esperançoso com a sua recuperação. Suplicy também disse que a expectativa é de que Marisa fique na UTI ainda por diversos dias.

A ex-primeira dama sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico na tarde de terça-feira, 24, por causa do rompimento de um aneurisma que ela já tinha há cerca de 10 anos, conforme explicou o médico da família de Lula, o cardiologista Roberto Kalil Filho. No mesmo dia à noite, ela fez um procedimento cirúrgico para estancar o sangramento. Na manhã da última quarta-feira, a ex-primeira dama foi submetida a uma segunda avaliação tomográfica de crânio para controle de sangramento cerebral. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.