Dona Lila Covas visita romeiros

A romaria pela recuperação do governador licenciado Mário Covas (PSDB) recebeu hoje, por volta das 8h30, nas margens da Rodovia Carvalho Pinto, próximo ao quilômetro 110, em Caçapava, a visita da primeira dama do Estado, Lila Covas. Ela ainda participou da romaria por uma hora e rezou o terço junto com o grupo, formado por 100 pessoas. Os integrantes do cortejo ficaram surpresos e emocionados com a visita. Denominado Travessia da Fé, a peregrinação terminará sábado, na basílica de Aparecida, quando haverá uma missa às 10 horas, em intenção à saúde do governador licenciado. Liderados pelo padre e amigo particular de dona Lila, Rosalvino Moran Viayo, os romeiros estão cumprindo o trajeto de 170 Km entre São Paulo e o Santuário Nacional de Aparecida. Eles aguardam a presença de Mário Covas e de sua mulher na celebração. Os peregrinos estão confiantes na recuperação de Covas. Num clima de muita fé e em meio a pedidos por uma intervenção divina, o grupo tem orado durante todo o trajeto. Diversos motoristas usuários da rodovia buzinam ou acenam ao cruzarem com o cortejo, demonstrando seu apoio ao movimento. Segundo os organizadores do ato, o governador em exercício, Geraldo Alckmin, estará na missa, acompanhado de outros políticos do partido e autoridades do governo estadual, além de prefeitos da região.As dificuldades em caminhar sob um forte calor e sol intenso já proporcionaram alguns problemas ao grupo. Entretanto, mesmo com bolhas nos pés, joelhos inchados e cansaço, não houve nenhuma desistência até o momento. Uma equipe da polícia rodoviária estadual tem acompanhado o cortejo.A romaria Travessia da Fé entrará na Via Dutra nesta quinta-feira, em Taubaté, onde a Carvalho Pinto acaba. Como o movimento de veículos é bem maior na estrada federal, os romeiros caminharão pelo acostamento da pista, no sentido São Paulo-Rio, e terão o auxílio de três carros da polícia rodoviária federal, que escoltarão o grupo até Aparecida. Um esquema especial foi montado pela polícia para manter o fluxo de veículos sem complicações no período do feriado.Uma equipe de apoio ligada a Paróquia de Itaquera e a obra social Dom Bosco têm preparado as refeições e prestado toda assistência necessária.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.