Doações de campanha serão investigadas

O Ministério Público Eleitoral no Amazonas encaminhou ontem ao Tribunal Regional Eleitoral amazonense mais de cem representações contra pessoas jurídicas que fizeram doações de campanha acima dos limites legais nas eleições de 2006. O artigo 81 da Lei 9.504/97 determina o limite de 2 % do faturamento bruto do ano anterior à eleição. Os nomes das empresas não foram divulgados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.