Divisão enterra ''Frente de Libertação'' de Lago

Sem o PDT na disputa em São Luís, o 2º turno foi marcado pelo esfacelamento da Frente de Libertação do Maranhão, coligação de partidos que ajudou a dar sustentação à vitória do governador Jackson Lago (PDT) contra a senadora Roseana Sarney (PMDB), em 2006. O segundo turno das eleições na capital maranhense será disputado pelo candidato Flávio Dino (PC do B) e por João Castelo (PSDB). Com dois partidos da frente na briga, os apoios também ficaram divididos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.