Distrito Federal já teve 29 urnas substituídas

Brasília, 26/10/2014 - O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) informou há pouco que 29 urnas foram substituídas na capital federal, a maioria delas por problemas de reconhecimento do leitor biométrico. No primeiro turno, em 5 de outubro, o DF foi uma das unidades da federação onde mais ocorreu problemas com o novo método de identificação dos eleitores. Na primeira etapa das eleições foi cogitada até a hipótese de as eleições no DF terminarem por volta de 21h, em função dos problemas. No entanto, as falhas foram corrigidas e não houve atraso significativo. (Victor Martins - victor.alves@estadao.com)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.