Diretor sindical é assassinado na zona sul de SP

Sergio Augusto Ramos estava distribuindo panfletos quando foi atingido por quatro tiros

Solange Spigliatti, do estadão.com.br,

25 de outubro de 2010 | 13h33

SÃO PAULO - O diretor de base do Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo, Sergio Augusto Ramos, foi assassinado na madrugada desta segunda-feira, 25, na zona sul de São Paulo.

 

Segundo o sindicato, por volta das 5 horas, o diretor entregava panfletos em frente à sede de uma viação de ônibus, na Estrada do MBoi Mirim, altura do número 10.100, quando dois homens em uma moto dispararam.

 

Ele foi atingido por cerca de quatro tiros e foi socorrido ao Hospital de Itapecerica da Serra, na grande São Paulo, onde faleceu por volta das 7h30. O corpo permanecia no hospital por volta das 12 horas, segundo o Sindicato. O caso foi registrado no 100º Distrito Policial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.