Diretor-geral do Google no Brasil é detido pela PF

O diretor-geral do Google Brasil, Fábio José Silva Coelho, foi detido por policiais federais na tarde desta quarta-feira, em São Paulo, em cumprimento a uma ordem judicial expedida pelo juiz Amaury da Silva Kuklinski, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Mato Grosso do Sul.

FAUSTO MACEDO, Agência Estado

26 de setembro de 2012 | 17h49

Kuklinski determinou a prisão sob o argumento de que o Google não tirou do ar vídeos postados no YouTube contra o candidato a prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP). A empresa alega que a responsabilidade pelo teor do vídeo é dos usuários, e por isso não poderia cumprir a determinação da Justiça Eleitoral.

O diretor do Google já foi ouvido na sede da Polícia Federal, na Lapa, zona oeste de São Paulo. Ele pode ser liberado ainda nesta quarta-feira, se houver relaxamento do pedido de prisão.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2012Campo GrandeGoogle

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.