Dirceu diz desconhecer pedido de demissão de Roberto Amaral

O ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, afirmou que desconhece a informação de que o ministro da Ciência e Tecnologia, Roberto Amaral, estaria demissionário. Amaral não compareceu hoje à reunião do presidente Lula com ministros na Câmara de Infra-estrutura. Foi representado pelo secretário-executivo, Cesar Calegari. Dirceu observou que esse é um procedimento adotado por outros ministros quando impedidos de participar de reuniões. Na entrevista coletiva, no Palácio do Planalto, o ministro da Casa Civil negou-se a falar sobre reforma ministerial. Disse apenas que não terá encontro com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para tratar especificamente da questão até domingo, quando Lula embarca para o México. Dirceu confirmou, entretanto, que, a pedido do presidente, terá reuniões sobre esse assunto com dirigentes do PP, PTB e PMDB nos próximos dias. "Não divulgarei horário, local e datas, para ter tranqüilidade nas reuniões", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.