Diminui número de mortos em rodovias

Durante as férias escolares de julho, 535 pessoas morreram em acidentes nas rodovias federais. Dados da Polícia Rodoviária Federal revelam, porém, uma redução de 8,08% no número de vitimas fatais em comparação ao mesmo período do ano passado.Nos 59.000 quilômetros da malha rodoviária, ocorreram 8.822 acidentes (9,31% a menos que em 2000), com 4.913 feridos. Minas Gerais, com maior trecho, foi o Estado com maior número de mortos (114), seguido de Rio de Janeiro (52), Santa Catarina (46) e São Paulo (42).Tocantins foi o único Estado a não registrar acidente fatal. Nas férias escolares do ano passado, foram registradas três mortes nas rodovias do Estado. Também ocorreu diminuição satisfatória de vítimas fatais em Sergipe (64,29%), Pernambuco (46,67%) e Mato Grosso (42,31%).Com 14 mortes, o Distrito Federal teve o maior aumento em relação a 2000 (75%). Na relação ainda aparecem Alagoas (50%) e Paraíba (44,44%).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.