Dilma vai à missa em Aparecida pela primeira vez

A candidata à Presidência Dilma Rousseff (PT) assistiu hoje a missa no santuário Nossa Senhora Aparecida, que visitou pela primeira vez, embora - conforme disse em entrevista - seja devota de Nossa Senhora, especialmente Nossa Senhora Aparecida. "Queria estar aqui em Aparecida por causa de um problema recente de minha vida, que prefiro não comentar", disse Dilma, referindo-se ao câncer que enfrentou recentemente.

JOSÉ MARIA MAYRINK, Agência Estado

11 Outubro 2010 | 11h42

A candidata chegou a Aparecida (SP) de helicóptero, entrou na Basílica por volta das 9 horas e ficou na primeira fileira, em uma área reservada diante do altar, sentada entre o chefe de gabinete pessoal do presidente Lula, Gilberto Carvalho, e o recém eleito deputado federal Gabriel Chalita (PSB), além de prefeitos e deputados da região.

Na entrevista à imprensa após a missa, Dilma comentou o debate de ontem à noite na TV Bandeirantes, estranhando ter sido chamada de "agressiva" por alguns jornais, dizendo que o debate foi de alto nível e que ela aproveitou o encontro para cobrar do candidato José Serra (PSDB) a campanha da qual se sente "vítima". Dilma considera normal esse embate da forma que foi porque são apenas dois candidatos num debate de duas horas.

A candidata deixou Aparecida logo depois com destino a Brasília onde participará de um comício em Ceilândia e gravará programas para o horário eleitoral.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.