Divulgação
Divulgação

Dilma reúne aliados para agradecer apoio

A presidente afastada Dilma Rousseff convocou uma reunião para a manhã desta quarta-feira, 31, no Palácio da Alvorada, em Brasília. O objetivo, segundo convidados, é fazer um agradecimento às lideranças políticas e aos movimentos sociais que a apoiaram durante o processo do impeachment e apontar seus rumos para o futuro. 

Ricardo Galhardo, O Estado de S. Paulo

31 de agosto de 2016 | 05h00

A expectativa é de que ao menos 50 pessoas participem do encontro com Dilma, dentre elas integrantes das frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, ex-ministros, parlamentares e dirigentes petistas. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que permanece em Brasília tentando convencer senadores a votar contra o impeachment, também deve participar. 

Aliados de Dilma consideraram um sucesso a ida da presidente afastada ao Senado anteontem. Eles avaliaram que o discurso e a postura de Dilma reforçaram a narrativa do “golpe” e deram fôlego para a união de partidos e movimentos de esquerda na oposição ao governo Temer. A Frente Brasil Popular do Distrito Federal convocou para o mesmo horário uma manifestação na frente ao Alvorada. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.