Dilma quer se encontrar com Obama antes da posse

A presidente eleita, Dilma Rousseff, quer se encontrar com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, antes da posse, programada para primeiro de janeiro, em Brasília. Dilma aguarda um lugar na agenda do norte-americano para fazer uma de suas poucas viagens internacionais no período antes de assumir o posto. De acordo com a assessoria da presidente eleita, nos próximos dias é provável que o governo dos Estados Unidos anuncie a data do encontro.

JOÃO DOMINGOS, Agência Estado

17 de novembro de 2010 | 19h49

Conforme as informações da equipe de Dilma, ela pretende convidar Obama a visitar o Brasil em 2011. Nos dois encontros, eles deverão tratar da crise cambial, projetos para o desenvolvimento sustentável, a possibilidade de o Brasil vir a se tornar um grande produtor de petróleo - e fornecedor para mercados como o dos Estados Unidos -, a necessidade de fortalecer o comércio bilateral e uma agenda comum para a América do Sul e Central e para o Caribe.

Dilma já esteve por duas vezes com Obama. Uma antes do início da campanha, nos Estados Unidos; a segunda, em Seul, durante a reunião do G-20 (grupo das 20 maiores economias industriais e emergentes do mundo), na semana passada, quando os dirigentes das maiores potências econômicas do mundo tiveram um encontro do qual quase só se falou na guerra cambial.

Na viagem aos Estados Unidos Dilma quer ainda conversar com a secretária de Estado norte-americano, Hillary Clinton, e com o secretário do Tesouro, Timothy Geithner.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.