Dilma pede 'ética' e 'eficiência' aos servidores

Em mensagem alusiva ao dia do servidor público, comemorado neste domingo (28), a presidente Dilma Rousseff pediu "ética", "eficiência", "empenho" e "comprometimento" aos funcionários. "Persistir no atendimento das justas e legítimas demandas de todos brasileiros e brasileiras exige uma gestão pública de excelência, pautada pela ética e pela eficiência. Exige servidores públicos empenhados, competentes e comprometidos", comentou a presidente, depois de citar que "o Brasil é hoje um país em transformação" e que "a estabilidade econômica, crescimento do emprego e da renda, avanços sociais, são marcas de uma nova sociedade que está sendo construída por todos nós".

TÂNIA MONTEIRO, Agência Estado

28 de outubro de 2012 | 16h46

A presidente lembrou que hoje são mais de 600 mil servidores públicos federais que "se dedicam, diariamente, à construção de um Estado que seja, cada vez mais, instrumento decisivo à garantia dos direitos dos cidadãos". Segundo Dilma, "o Brasil sabe que pode contar com seus servidores públicos para manter sua caminhada em direção a uma sociedade mais justa e inclusiva". E acrescentou: "esta Presidenta conta com vocês para continuar servindo, com talento, ética e dedicação, à Nação brasileira".

Na mensagem, Dilma também cumprimenta e agradece o trabalho de todos os funcionários "em prol do desenvolvimento do Brasil" e ressalta que "são vocês, servidores públicos, que transformam as políticas em realidade para todos os brasileiros".

Tudo o que sabemos sobre:
Dilmaéticaservidores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.