Dilma passa por nova sessão de radioterapia em SP

Ministra da Casa Civil se submete a tratamento contra câncer no sistema linfático, detectado em abril

ANA CONCEIÇÃO, Agencia Estado

31 de julho de 2009 | 11h17

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, submeteu-se na manhã desta sexta-feira, 31, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, a mais uma sessão de radioterapia para tratamento de um câncer no sistema linfático, detectado em abril. De acordo com a assessoria da pasta, Dilma foi ao hospital logo cedo e, depois, seguiu para o escritório da Petrobras, de onde costuma despachar quando está na capital paulista. As sessões de radioterapia, iniciadas na semana passada, prosseguem com o tratamento quimioterápico feito em maio e junho e compõem a segunda fase da terapia contra a doença.

Dilma não tem eventos programados para hoje em São Paulo, de acordo com a assessoria, e, no começo da tarde, deve ir para Belo Horizonte, onde acompanhará o presidente Luiz Inácio Lula da Silva na entrega de 392 moradias e na formatura de turmas do Plano Setorial de Qualificação (Planseq), programa que qualifica benefícios do Bolsa-Família para trabalhar na construção civil.

Tudo o que sabemos sobre:
DilmacâncerradioterapiaSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.