Dilma parabeniza Putin e o convida para a Rio+20

A presidente Dilma Rousseff convidou hoje o presidente eleito da Rússia, Vladimir Putin, para comparecer à conferência Rio+20, que ocorrerá no Rio de Janeiro entre os dias 20 e 22 de junho. Durante a conversa, feita por telefone, Dilma também parabenizou Putin pela vitória nas eleições no último domingo, quando foi eleito com 63,81% dos votos. Pelo menos 500 manifestantes, incluindo proeminentes dirigentes opositores que denunciavam fraudes - já foram presos em Moscou e outros 300 em São Petersburgo após o anúncio do resultado.

RAFAEL MORAES MOURA E TÂNIA MONTEIRO, Agência Estado

06 de março de 2012 | 17h42

Putin não deu garantias de que virá ao Rio+20, mas convidou Dilma para visitar a Rússia, convite aceito pela presidente. Dilma também telefonou hoje para o rei Juan Carlos da Espanha para convidá-lo à conferência. Na ocasião, foi informada de que a Espanha deverá ser representada na Rio+20 pelo primeiro ministro espanhol, Mariano Rajoy. O mesmo convite foi feito à chanceler alemã, Angela Merkel, durante a viagem feita a Hannover nesta semana - Merkel, no entanto, ainda não confirmou a presença por aqui.

Tudo o que sabemos sobre:
DilmaPutin

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.