Dilma nomeia o jurista Américo Lacombe para a Comissão de Ética

Ele assume a cadeira de Hermann Assis Baeta, que estava vaga desde maio do ano passado

Rafael Moraes Moura e Tânia Monteiro, da Agência Estado,

08 de março de 2012 | 16h19

BRASÍLIA - A presidente Dilma Rousseff nomeou o jurista Américo Lourenço Masset Lacombe para integrar a Comissão de Ética Pública da Presidência da República. A designação foi publicada na edição desta quinta-feira, 8, do Diário Oficial da União.

 

Lacombe já deve participar da próxima reunião da comissão, marcada para a segunda-feira. Ele assume o lugar de Hermann Assis Baeta, que estava vago desde maio do ano passado. O mandato é de três anos.

 

A expectativa é a de que, na reunião de segunda-feira, o conselheiro Fábio Coutinho apresente relatório sobre o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, que tem sido alvo de denúncias por conta de contratos assinados pela sua empresa de consultoria.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.