Dilma nomeia general do Exército como ministro da Segurança Institucional

O general José Elito Carvalho atualmente ocupa o cargo de chefe de Preparo e Emprego do Ministério da Defesa

Tânia Monteiro, da Agência Estado,

21 Dezembro 2010 | 19h46

BRASÍLIA - O general de Exército José Elito Carvalho Siqueira será o novo ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). A presidente eleita, Dilma Rousseff, queria modificar o desenho do gabinete, para que ele passasse a se dedicar apenas à segurança presidencial, retomando ao antigo modelo de Gabinete Militar e Casa Militar. O general Elito atualmente ocupa o cargo de chefe de Preparo e Emprego do Ministério da Defesa.

 

Como o Elito tá vindo da Defesa, isso vai propiciar uma aproximação da Defesa com o GSI, que ficaram completamente afastados no governo Lula. Ele vai ter de pensar em uma nova cara para o GSI.

 

Entre as modificações, a presidente eleita desejava retirar do GSI não só a Secretaria Nacional Antidrogas, mas também a Agência Brasileira de Inteligência (Abin). E é justamente a Abin o maior problema sobre o qual a presidente Dilma não decidiu ainda. Há quem defenda que o órgão fique diretamente subordinado a ela, mas Dilma foi advertida que ela ficará sem anteparo em caso de problemas. O fato é que a conduta da Abin será modificada, não se sabe exatamente ainda como. Dilma está com alguns estudos em mãos. Porém, face aos inúmeros problemas que tem para resolver, preferiu deixar esta questão para depois.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.