Dilma monta força-tarefa para combater dengue

A presidente Dilma Rousseff (PT) orientou sua equipe a montar uma força-tarefa para combater o mosquito da dengue. Nesta manhã, no Palácio do Planalto, ela discute medidas emergenciais com os ministros da Saúde, Alexandre Padilha, da Casa Civil, Antonio Palocci, e da Comunicação, Helena Chagas.

LEONENCIO NOSSA, Agência Estado

11 de janeiro de 2011 | 11h06

Análises do Ministério da Saúde apontam 24 cidades brasileiras com possibilidades de surto de dengue, incluindo duas capitais, Porto Velho e Rio Branco. Outras 154 cidades estão em situação de alerta, como Aracaju, Belém, Boa Vista, Cuiabá, Fortaleza, Goiânia, Maceió, Manaus, Natal, Palmas, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e Vitória. As análises levam em conta pesquisas feitas por técnicos do governo em 370 municípios.

Antes da participação de Dilma na reunião, estiveram com Padilha e Palocci os ministros Nelson Jobim (Defesa), Fernando Haddad (Educação) e José Eduardo Cardoso (Justiça). Técnicos e secretários dos ministérios da Justiça, da Previdência e das Cidades também participam das discussões.

Tudo o que sabemos sobre:
DenguecombateDilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.