Dilma e Temer serão diplomados amanhã pelo TSE

A presidente eleita, Dilma Rousseff, e o vice eleito, Michel Temer, serão diplomados amanhã pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em cerimônia às 17 horas, na sede do tribunal, em Brasília. A diplomação atesta a vitória nas urnas e torna os eleitos aptos a serem empossados no dia 1º de janeiro de 2011, no Congresso Nacional.

ROSANA DE CASSIA, Agência Estado

16 Dezembro 2010 | 16h04

A participação na cerimônia é restrita a convidados - um total de 250 pessoas entre autoridades, familiares e amigos dos diplomados. Mas apenas 100 deles poderão assistir à cerimônia do plenário. Os demais serão transferidos para o auditório do TSE, no segundo andar do prédio, por causa da limitação de espaço no plenário.

A expectativa é de que a cerimônia dure, no máximo, uma hora. O presidente do TSE, ministro Ricardo Lewandowski, fará a abertura da sessão solene. Após a entrada de Dilma e Temer no plenário, haverá a execução do Hino Nacional e em seguida um breve discurso de Dilma. A cerimônia será encerrada com um breve pronunciamento do TSE. Dilma e Temer receberão os cumprimentos no salão ao lado do plenário.

Mais conteúdo sobre:
TSE eleição diplomação Dilma Temer

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.