Dilma diz que não opina sobre assuntos da Argentina

A presidente Dilma Rousseff desautoriza comentários feitos em seu nome, por terceiros, sobre a situação econômica na Argentina. É o que afirma nota divulgada hoje pela Presidência da República, em resposta, segundo sua assessoria, "às matérias publicadas pela imprensa".

AE, Agência Estado

16 de março de 2012 | 15h22

Com base em matéria publicada ontem no jornal O Estado de S.Paulo o jornal argentino El Clarín postou hoje em seu site o seguinte título: "Para Dilma, com uma inflação de 20% a Argentina não é um modelo a imitar". A matéria refere-se ao encontro da presidente com sindicalistas, na última quarta-feira, e que, segundo relato dos participantes, teria citado a situação da Argentina ao ser cobrada sobre medidas de estímulo à indústria, como vem fazendo o governo argentino.

"A Presidenta não opina sobre assuntos internos de outros países, menos ainda de um país amigo e irmão, como a República Argentina", ressalta a nota da Presidência. E acrescenta que a presidente Dilma reitera sua amizade por Cristina Kirchner e sua confiança nos rumos que a presidente argentina vem imprimindo no país.

Tudo o que sabemos sobre:
DilmaArgentina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.