Dilma destaca avanço social e Aécio ressalta economia

A presidente candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) destacou a educação e o "combate sem tréguas" à corrupção na sua fala de abertura do debate presidencial da TV Bandeirantes. Dilma também ressaltou o histórico do governo petista, citando o resgate de pessoas da condição de extrema pobreza e o crescimento da classe média, ressaltando que foi criado um grande mercado de consumo, beneficiando toda a economia, mas especialmente os mais pobres. "Lançamos a base para um novo ciclo de desenvolvimento", afirmou. Dilma citou a educação como prioridade de um segundo mandato, destacando a igualdade de oportunidades para ricos e pobres. Ela também ressaltou as áreas de saúde e segurança.

ANA FERNANDES E DANIEL GALVÃO, Estadão Conteúdo

14 de outubro de 2014 | 23h05

O candidato do PSDB, Aécio Neves, disse que o debate inaugura fase final da campanha "onde brasileiros podem dizer o que querem" e se apresentou como candidato da "mudança profunda". Ele adotou o discurso da agora aliada Marina Silva (PSB) contra a polarização, dizendo não querer cair na armadilha da "divisão entre nós e eles". Aécio ressaltou também que o avanço do País nas últimas décadas está relacionado à estabilidade econômica promovida pelo governo Fernando Henrique Cardoso, que tinha, segundo ele, oposição do PT. "Nos últimos quatro anos, o Brasil parou de melhorar. Queremos ser o governo que una eficiência e decência."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.