Dilma deixa Sírio Libanês após check up

De acordo com boletim médico, resultados do primeiro exame realizado após ser eleita presidente do Brasil foram satisfatórios

Gustavo Uribe, Agência Estado

20 de novembro de 2010 | 12h05

SÃO PAULO - A presidente eleita Dilma Rousseff deixou há pouco o hospital Sírio Libanês, em São Paulo, após ser submetida a exames de rotina. A informação é da assessoria de imprensa da unidade médica, que comunicou também que Dilma permaneceu no hospital por cerca de duas horas.

 

Veja também:

linkUm dia após receber alta, Alencar volta a hospital para transfusão de sangue

 

De acordo com o boletim médico divulgado há pouco, os exames mostraram resultados satisfatórios. Este é o primeiro check up realizado por Dilma após ela ser eleita presidente do Brasil. Até o momento, não há informações sobre o destino da presidente eleita depois que ela deixou o hospital.

 

O vice-presidente José Alencar, que também está no Sírio Libanês, onde foi internado ontem para uma transfusão de sangue, deve deixar o local em instantes, segundo informou a sua assessoria de imprensa. Alencar havia tido alta na quinta-feira, depois ter sido internado para tratar uma obstrução intestinal. Ao deixar o hospital, na ocasião, o boletim médico informava que o vice-presidente deveria continuar o tratamento contra o câncer, doença que enfrenta há mais de 10 anos.

Tudo o que sabemos sobre:
Dilmacheck up

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.