Dilma decreta sete dias de luto pela morte de Mandela

A presidente Dilma Rousseff decretou sete dias de luto pela morte do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela. O decreto deve ser publicado em uma edição extra do Diário Oficial da União ainda nesta sexta-feira, 06.

RAFAEL MORAES MOURA, Agência Estado

06 Dezembro 2013 | 17h13

Segundo auxiliares palacianos, o governo sul-africano convidou chefes de Estado de todo o mundo para uma missa fúnebre oficial a ser realizada no dia 10 de outubro, próxima terça-feira, no Estádio FNB, em Johannesburgo.

No momento, a presidente está em deslocamento aéreo - Dilma participou no início da tarde de sorteio da Copa do Mundo na Costa do Sauipe, na Bahia. A presidente deve chegar a Brasília às 17h45.

O Palácio do Planalto ainda não comunicou oficialmente a data da ida da presidente à África do Sul.

Mais conteúdo sobre:
Dilma Mandela feriado flash

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.