Dilma: CPMF é importante para País, não para governo

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, afirmou que a arrecadação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) é "importante não para este governo, mas para o País". A ministra fez a declaração ao sair do Palácio do Planalto, após a solenidade de entrega dos prêmios de Direitos Humanos.A uma pergunta sobre a possibilidade de ficar para o próximo ano a votação da prorrogação do chamado imposto do cheque, Dilma Rousseff respondeu que não é ela quem está coordenando o assunto no governo, e sim o ministro de Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, "que está fazendo esse trabalho muito bem". A ministra acrescentou que o governo, para conseguir os votos necessários para aprovar a CPMF, "está conversando e promovendo todas as discussões possíveis".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.