Dilma convoca reunião para tentar manter vetos

A presidente Dilma Rousseff convocou para a semana que vem uma reunião com os líderes do governo na Câmara. O encontro será na segunda-feira, 09, às 17 horas. Na terça-feira, a presidente se reunirá com lideranças do Senado. Dilma decidiu fazer uma nova rodada de reuniões para tentar evitar a derrubada de vetos pelo Congresso, principalmente o relativo ao fim da multa adicional de 10% sobre o saldo do FGTS em casos de demissão sem justa causa. A votação desse veto deve acontecer, possivelmente, em duas semanas, o que é uma grande preocupação do governo.

TÂNIA MONTEIRO, Agência Estado

05 de setembro de 2013 | 12h29

O presidente em exercício, Michel Temer, realizou na manhã desta quinta-feira, no Palácio do Planalto, uma reunião preparatória com os líderes do governo no Congresso para as duas reuniões da semana que vem com Dilma.

Além dos líderes, estavam presentes os ministros da Casa Civil, Gleisi Hoffmann; do Planejamento, Miriam Belchior; e da Saúde, Alexandre Padilha, além do ministro interino da secretaria de Relações Institucionais, Paulo Argenta. Pelo Congresso, estavam presentes os líderes do governo na Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), do PT na Câmara, José Guimarães (CE), do governo no Congresso, senador José Pimentel (PT-CE), e do PMDB na Câmara, Eduardo Cunha (RJ).

Além do veto ao fim da multa adicional de 10% sobre o FGTS, o presidente, ministros e líderes discutiram ainda a destinação de 10% do PIB para a saúde.

Mais conteúdo sobre:
SenadolíderesDilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.