Dilma consolida vantagem sobre Serra, aponta Ibope

Petista continua com 39% das intenções de voto contra 34% de Serra ; Marina aparece com 8%

Jair Stangler / SÃO PAULO, Estadão.com.br

06 de agosto de 2010 | 20h16

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, manteve a vantagem de cinco porcentuais sobre José Serra (PSDB), segundo pesquisa Ibope/Estado/TV Globo realizada entre os dias 2 e 5 de agosto de 2010. A petista continua com os mesmos 39% contra os 34% de Serra da pesquisa anterior, realizada entre 26 e 29 de julho. Marina foi a única a oscilar, indo de 7% para 8%.

 

 Veja também:

link Dilma gasta R$ 4,5 mi com programa de TV

  • blog JOÃO BOSCO: Debate superficial
  • blog Ao citar menino, Marina usa tática comum nos EUA
  • blog TOLEDO: A análise dos discursos no debate
  • blog ANÁLISE: Plínio, o perigote do debate
  • forum ENQUETE: Você mudaria seu voto após o debate?
  • video VÍDEO - Análise do primeiro debate eleitoral

     

  • Os candidatos José Maria Eymael (PSDC), Ivan Pinheiro (PCB), Levy Fidelix (PRTB), Plínio de Arruda Sampaio (PSOL), Rui Costa Pimenta (PCO) e Zé Maria (PSTU) registraram 0% das intenções de voto. Brancos e nulos somam 7% e indecisos são 12%.

     

    Em um eventual segundo turno, Dilma teria 44% dos votos contra 39% de Serra. Brancos e nulos somam 8% nesse cenário e 9% se declararam indecisos. Na pesquisa anterior, Dilma aparecia com 46% e Serra com 40%.

     

    Na pesquisa espontânea - quando nenhum cartão de resposta é apresentado e o eleitor responde com o que lhe vem à cabeça -, Dilma lidera com 25%, Serra aparece com 17% e Marina com 4%. Outros nomes citados somam 4% enquanto brancos e nulos são 6%. 44% não souberam responder.

     

    Veja a evolução dos candidatos no 1º turno:

     

     

    Veja a evolução dos candidatos no 2º turno:

     

     

    Rejeição

     

    Serra aparece com a maior rejeição entre os candidatos à Presidência: 25% (ante 24% da pesquisa anterior). Já Dilma registra 18% de rejeição (ante 19%) e Marina, 12% (ante 13%).

     

    O Ibope também questionou os eleitores quanto à crença na vitória. 46% dos eleitores acreditam que Dilma vencerá a disputa, contra 31% que creem numa vitória de Serra e 2%, na vitória de Marina.

     

    Aprovação do governo

     

    Para 75% dos entrevistados, o governo Lula é ótimo ou bom - houve uma pequena oscilação em relação à pesquisa anterior, quando esse índice atingiu 77%. 19% avaliam o governo como regular e apenas 4% como ruim ou péssimo. 85% dos eleitores disseram aprovar a maneira como Lula governa o Brasil, mesmo índice da pesquisa anterior. A nota média continua em 7,9.

     

    Serra lidera no Sul; Dilma tem 46% no NE

     

    A região sul é a única onde Serra lidera: 42% contra 34% de Dilma. Nesta reigão, Marina aparece com 5%. No sudeste há empate entre os dois: 35% cada um. Marina registra 8%. Já o nordeste é a região que apresenta a mais ampla liderança da petista. 46% contra 27% do tucano e 7% de Marina. No norte/centro-oeste, Dilma registra 40% contra 33% de Serra e 8% de Marina. As regiões com maior número de indecisos são norte/centro-oeste e o sul, ambas com 14%.

     

    Na divisão por renda, Dilma aparece melhor entre aqueles que ganham até 1 salário mínimo: 44% contra 30% de Serra e 4% de Marina. Entre quem ganha de 1 a 2 mínimos, há empate entre Dilma e Serra: 36% para cada. Marina aparece com 7% nesse grupo. Na faixa que vai de 2 a 5 mínimos, Dilma tem 41%, Serra, 30% e Marina, 10%. Já Serra lidera entre quem ganha mais de 5 salários mínimos: 40% contra 36% de Dilma e 9% de Marina. As maiores porcentagens de indecisos estão entre quem ganha até 1 mínimo (15%) e entre 1 e 2 mínimos(14%)

     

    No detalhamento por sexo, Dilma lidera entre os homens por 10 pontos de vantagem: 43% a 33%. Entre as mulheres, a situação é de empate técnico: a petista aparece com 35% e Serra com 34%. Já a candidata Marina Silva tem 7% entre os homens e 8% entre as mulheres. A maior parte dos indecisos está entre as mulheres: 14% a 9%.

     

    Na análise por idade, Dilma lidera em todas as faixas etárias, tendo seu melhor desempenho entre os eleitores que têm de 25 a 29 anos (44%). Está é também a faixa onde Marina aparece melhor (10%). Entre estes eleitores, Serra registra 33% das intenções de voto.

     

    Já Serra vai melhor ente os eleitores que têm de 16 a 24 anos e acima de 50 anos (36%), grupo em que Dilma registra 39% e Marina, 4%. Ainda na faixa etária dos 16 aos 24, Dilma tem 39% e Marina, 8%. No grupo de 30 a 39 anos, Dilma tem 39%, contra 34% de Serra e 8% de Marina. Entre os eleitores que têm de 40 a 49 anos, Dilma lidera com 34%, Serra tem 30% e Marina, 9%

     

    No quesito escolaridade, Dilma tem seu melhor desempenho entre os eleitores que tem até a quarta série do ensino fundamental e entre a quinta e a oitava série: 40% em ambas. Já Serra aparece com 35 e 37%, respectivamente, e Marina com 2% e 5%. O grupo que tem até a quarta série também apresenta a maior porcentagem de indecisos: 16%. Dilma também lidera entre os eleitores com ensino médio: 39% a 33% de Serra e 10% de Marina. Entre os que têm curso superior, há empate técnico: 32% de Dilma contra 31% de Serra. É nessa faixa também que Marina aparece melhor: 18%.

     

    A pesquisa foi realizada entre os dias 2 e 5 de agosto de 2010. Foram realizadas 2506 entrevistas com eleitores de 173 municípios de todo o País. O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro estimada é de 2%. A pesquisa está registrada no TSE sob o número 21697/2010.

  • Encontrou algum erro? Entre em contato

    Comentários

    Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.