Dilma anuncia construção de ferrovia em Pernambuco

A presidente Dilma Rousseff falou nesta segunda-feira, na entrega de trecho de sistema adutor no Sertão de Pernambuco, sobre as mudanças na infraestrutura do País que serão vistas com o investimento do governo federal no setor. "Nós mudamos completa e totalmente o que vinha acontecendo. Nós iremos mudar ainda mais. Iremos mudar a infraestrutura do País", disse. Dilma anunciou que será feita uma ferrovia em Pernambuco.

BEATRIZ BULLA E CARLA ARAÚJO, Agência Estado

25 de março de 2013 | 14h17

"Faz parte de decisão do governo federal de investir pesadamente em infraestrutura", afirmou. Durante o discurso, ela chamou o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, para que detalhasse o projeto. "Fizemos uma primeira parte (de investimento em ferrovias) em torno de dez mil quilômetros, que o governo federal está licitando. Mas agora estamos entrando na segunda fase", disse Dilma.

A segunda fase mencionada contempla a nova ferrovia, anunciada nesta segunda-feira e chamada pela presidente de "integração do interior de Pernambuco com o restante do Nordeste". Para finalizar, Dilma, que dividiu o palanque com governador e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, possível candidato a presidente, falou sobre a importância de parcerias entre as esferas da administração, sem mencionar questões partidárias. A presidente abordou a "capacidade de construir, democraticamente, uma coalizão para dirigir esse País". "Nenhuma força política sozinha é capaz de dirigir esse País. Precisamos de parceiros. Precisamos que esses parceiros sejam comprometidos com esse caminho."

Tudo o que sabemos sobre:
Dilma RousseffPernambucoferrovias

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.