Dilma afaga Sarney no Amapá, onde entrega moradias

Em sua primeira visita ao Amapá desde que assumiu a Presidência da República, a presidente Dilma Rousseff desembarca na manhã desta segunda-feira em Macapá para entregar 2.148 unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida, programa considerado uma das plataformas de sua campanha pela reeleição. A solenidade está marcada para as 11 horas.

RAFAEL MORAES MOURA, ENVIADO ESPECIAL, Agência Estado

23 Junho 2014 | 08h57

A cerimônia no Amapá será a nona do gênero neste ano - em 2014, Dilma já entregou moradias em Araguaina (TO), Bauru (SP), São José do Rio Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ), Cuiabá (MT), Feira de Santana (BA), Camaçari (BA) e Parnaíba (PI).

O evento também será um afago de Dilma ao senador José Sarney (PMDB-AP). Apesar do diretório estadual do PT no Amapá pretender apoiar a reeleição do governador Camilo Capiberibe (PSB), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve intervir para garantir o apoio ao ex-governador Waldez Góes (PDT), apoiado por Sarney. A própria campanha de Capiberibe considera o apoio do PT incerto. A previsão é que Dilma retorne a Brasília por volta das 13 horas, com chegada prevista para as 15h30.

Mais conteúdo sobre:
eleições Dilma Amapá Minha Casa Minha Vida

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.