Dias anuncia briga por correção maior da tabela do IR

Depois de perder a disputa no valor do salário mínimo, o líder do PSDB no Senado, Alvaro Dias (PR), anunciou hoje que a oposição vai trabalhar por uma correção da tabela do Imposto de Renda (IR) acima dos 4,5% desejados pelo governo. O embate deve ocorrer no âmbito de uma Medida Provisória a ser editada nos próximos dias pela presidente Dilma Rousseff.

EDUARDO BRESCIANI, Agência Estado

24 de fevereiro de 2011 | 12h21

Dias argumenta que o próprio governo registrou o índice de 5,91% como a inflação do ano passado. "O governo usa números oficiais quando o interessa. Qual o número que indica a inflação do ano passado? É 5,91%. Por que o governo quer reajustar a tabela em 4,5%? Os números têm de ser os oficiais do próprio governo."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.