Diário Oficial traz Lei do Orçamento para 2010

Lei foi sancionada pelo presidente Lula, que vetou pontos sobre criação de cargos e suspensão de obras

Rosana de Cassia, da Agência Estado,

27 de janeiro de 2010 | 10h52

Foi publicada nesta quarta-feira, 27, no Diário Oficial da União, a Lei do Orçamento para 2010. A lei foi sancionada ontem pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com dois vetos: o que trata de autorizações para a criação de cargos e funções comissionadas e o que suspendia obras da Petrobras, por apresentarem pendências identificadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

Em exposição de motivos para o veto, o Ministério de Minas e Energia argumenta que parte dos contratos da estatal petrolífera já apresenta 90% de execução física. Além disso, em reunião com o comitê de avaliação de obras da Comissão Mista de Orçamento foi aprovada a criação de um grupo de trabalho para sanar essas questões.

Além da sanção, o governo editou um decreto de programação provisória para os meses de fevereiro e março, limitada em dois e doze avos, até a avaliação bimestral das receitas e despesas, quando será editado o decreto definitivo para o ano. Com os dados do primeiro relatório o governo definirá se haverá ou não cortes tanto para o Executivo quanto para os demais poderes.

Tudo o que sabemos sobre:
OrçamentoDiário OficialPetrobras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.