Diário Oficial traz exoneração de ministro ligado ao PSB

O Diário Oficial da União desta quarta-feira, 02, traz a exoneração, a pedido, de Fernando Bezerra Coelho (PSB) do cargo de ministro da Integração Nacional. Também na edição de hoje do Diário, está o decreto de nomeação de Francisco José Coelho Teixeira, para exercer interinamente o comando da Pasta. Teixeira é servidor público da Companhia de Gestão de Recursos Hídricos do Ceará (Cogerh) e já esteve à frente do órgão como presidente. Ele ocupa, desde fevereiro de 2012, o cargo de secretário de Infraestrutura Hídrica do Ministério.

LUCI RIBEIRO E TÂNIA MONTEIRO, Agência Estado

02 de outubro de 2013 | 10h45

Fernando Bezerra Coelho deixou o Ministério ontem depois de reunião com a presidente Dilma Rousseff, quando acertaram a sua saída definitiva do cargo. Bezerra já havia entregue sua carta de demissão à presidente Dilma no dia 19 de setembro, um dia depois de o PSB ter anunciado a sua saída da base do governo. Na ocasião, a presidente pediu que ele permanecesse no cargo até que o assunto fosse discutido em definitivo. Ela também estava viajando por uma semana para Nova York e só queria tratar do assunto na volta.

Além de Bezerra, o PSB tem o cargo de ministro-chefe da Secretaria de Portos, ocupado por Leônidas Cristino, afilhado do governador do Ceará, Cid Gomes, que está saindo do partido para permanecer apoiando Dilma. Inicialmente, Leônidas não deixaria o cargo, por causa da saída de Cid Gomes do PSB. Mas, as últimas notícias dão conta de que ele também deixará o governo.

Para a Integração Nacional, o acerto político até agora é que o cargo vá para o PMDB e o nome do escolhido pelo partido é o do senador Vital do Rêgo (PB).

Tudo o que sabemos sobre:
PSBministérioexoneração

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.