Diário Oficial tem tarja preta de luto por Itamar

A seção 1 do Diário Oficial da União circulou hoje com uma tarja preta no lado esquerdo do tabloide, em sinal de luto pela morte do senador e ex-presidente da República, Itamar Franco (PPS-MG). O decreto de luto oficial no País, por sete dias, foi o primeiro ato publicado no Diário Oficial de hoje. O decreto determina que os funerais do ex-presidente se realizem com honras fúnebres de chefe de Estado.

ROSANA DE CASSIA, Agência Estado

04 de julho de 2011 | 08h45

O corpo de Itamar será levado nesta manhã de Juiz de Fora (MG) para o Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, onde será velado. No final do dia, o corpo será cremado e as cinzas levadas de volta para Juiz de Fora para serem colocadas no túmulo da mãe do ex-presidente.

Itamar Franco, presidente da República de 1992 a 1994, morreu na manhã de sábado, aos 81 anos, em São Paulo, vítima de leucemia. Ele estava internado no Hospital Israelita Albert Einstein desde o dia 21 de maio e permanecia licenciado de suas atividades no Senado. Nos últimos dias, o senador apresentou um quadro de pneumonia grave e foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Nas últimas horas de vida, foi vítima de um acidente vascular cerebral (AVC) e entrou em coma. Segundo o hospital, Itamar morreu por volta das 10h15 da manhã.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.