?Dia D? nacional contra a dengue será 23 de novembro

Mais de 18 milhões de panfletos serão distribuídos em todo o país pelo Ministério da Saúde, e mil comitês municipais foram criados para promover o ?Dia D? do combate à dengue, marcado para 23 de novembro. Nessa data, a população será chamada a participar de uma mobilização nacional para eliminar possíveis focos da doença em casa e nas ruas.A maior parte das infestações acontece em residências ? no Rio de Janeiro, Estado onde houve a mais séria epidemia do País no último verão, o índice era de 90%. Para Luiz Arnaldo da Cunha Júnior, diretor de desenvolvimento setorial da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), a participação das pessoas vai estimular as outras a ?sair da inércia?.A iniciativa repete estratégia bem-sucedida usada no Rio em março. O suposto baixo envolvimento da comunidade limita o sucesso do programa de combate à dengue, diz um documento da ANS. ?A partir do dia 23, precisamos incorporar como hábito o trabalho de verificar se há focos em casa. Esse tipo de mobilização tem o poder fantástico de conscientizar a população . No ano passado, no Rio, interrompemos a epidemia com o dia 9 de março?, disse Cunha Júnior.Naquela ocasião, os casos diminuíram a partir de abril ? de 90.776 em março para 26.648 e 5.772 nos dois meses seguintes, redução maior proporcionalmente do que nos outros Estados.O epidemiologista Eduardo Costa, da Fundação Oswaldo Cruz, diz que o dado é enganoso. ?Essa redução coincidiu com a época normal de diminuição dos casos, com a mudança de temperatura. Não é verdade que o movimento tenha sido o principal responsável pela queda, foi apenas um dos fatores.?Na opinião de Costa, o momento é adequado para convocar a população, porém refuta a idéia de que cabe a ela resolver o problema. ?Só resta a mobilização agora, uma vez que, em nenhum dos níveis de governo, houve o cumprimento adequado dos projetos de prevenção?, criticou.O cartaz da campanha mostra um jogador de futebol com a camisa 23 da seleção brasileira, pronto para uma partida fictícia contra a doença. ?Brasil x Dengue. Vamos ganhar esse jogo. Dia D: faça a sua parte.? Os órgãos federais pretendem fazer do dia o pontapé inicial de uma batalha que tem como metas a redução dos casos em 50% em relação ao ano passado e baixar os índices de infestação predial a taxas inferiores a 1%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.