Desfile começa em Brasília com segurança reforçada

A presidente Dilma Rousseff chegou pontualmente ao desfile de 7 de setembro, que começou às 9 horas. Dilma foi recebida na pista pelo governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), e pelo ministro da Defesa, Celso Amorim. Quando faltavam dez minutos para o início, ela passou em frente ao Palácio do Planalto, dirigindo-se ao palanque montado no Eixo Monumental.

TÂNIA MONTEIRO, Agência Estado

07 de setembro de 2011 | 09h09

Neste ano, foi reforçada a estrutura de segurança em volta do palanque presidencial, na pista do Eixo Monumental. A pista do eixo, bem em frente ao palanque onde vai ficar a presidente, os ministros e as demais autoridades, tem uma grande protetora que não permite a aproximação.

Em alguns anos, artistas e atletas que participavam do desfile podiam, eventualmente, estender a mão ao presidente que, da beirada do palanque, cumprimentava quem ele queria. Hoje, a grade montada na pista afasta do palanque quem passa no desfile. Neste ano, também são mais altas as grades na lateral do palanque presidencial. Nos espaços reservados para a imprensa também há mais segurança e mais restrições à movimentação dos jornalistas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.