Descoberta causa de explosão da P-36

Uma falha numa válvula que deveria isolar o tanque de drenagem de óleo na coluna da plataforma P-36 foi a principal causa da explosão que provocou o naufrágio do equipamento, em 20 de março. Essa válvula - de fabricante desconhecido - não impediu, como deveria, a entrada de petróleo, gás e água no tanque, que por causa do defeito, acabou enchendo até estourar e espalhar gás por toda a coluna da P-36. A Comissão de Sindicância instituída pela Petrobrás para investigar o acidente - assessorada pela empresa norueguesa Det Norske Veritas - enumerou uma série de fatores que contribuíram para o acidente, mas não apontou nenhum responsável pela tragédia.Leia mais

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.