Wilton Junior / Estadão
Wilton Junior / Estadão

Desafeto de Bolsonaro, Witzel deseja 'pronta recuperação' ao presidente

Governador também chegou a ser infectado pelo coronavírus; início da pandemia foi marcado por brigas entre os dois mandatários

Caio Sartori, O Estado de S.Paulo

07 de julho de 2020 | 15h17

RIO - O governador do Rio, Wilson Witzel, desejou na tarde desta terça-feira, 7, "pronta recuperação" ao presidente Jair Bolsonaro, que teve resultado positivo no teste de covid-19. O mandatário fluminense é um dos desafetos preferidos de Bolsonaro. 

"Também fui atingido pela Covid-19 e, seguindo as recomendações médicas, estou certo de que ele irá se recuperar brevemente", escreveu o governador no Twitter.

 

Nas primeiras semanas de pandemia, Bolsonaro atacou Witzel e outros governadores, como o paulista João Doria, em mais de uma oportunidade. Eles, por sua vez, criticaram a conduta do presidente e o modo como ele conduzia a pandemia.

Ao saber do diagnóstico do presidente nesta terça, Doria também se manifestou pelas redes sociais, igualmente desejando a "pronta recuperação" de Bolsonaro e pedindo que ele "siga as orientações da medicina". A publicação de Doria ocorreu cerca de uma hora antes da postagem do governador fluminense no Twitter. 

Witzel passou a dar menos declarações de confronto depois que virou investigado por suspeitas de corrupção na Saúde em meio à pandemia. Ele chegou a ser alvo de mandado de busca e apreensão pela Polícia Federal e, atualmente, enfrenta um processo de impeachment na Assembleia Legislativa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.