Deputados se unem a estudantes pela volta da UNE à sede

Cerca de 130 estudantes acampados no terreno da antiga sede da União Nacional dos Estudantes (UNE), no bairro do Flamengo, zona sul do Rio, fizeram nesta segunda-feira um ato público em defesa da retomada do local pela entidade. Participaram os deputados federais Chico Alencar (PSOL-RJ), Manuela D´avila (PC do B-RS), e Edmilson Valentim (PC do B-RJ). Os estudantes leram um manifesto em favor da causa com assinaturas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do arquiteto Oscar Niemeyer, do poeta Ferreira Gullar e de artistas, como Chico Buarque, Beth Carvalho e o ministro da Cultura, Gilberto Gil. No início da tarde, os estudantes conseguiram que a Justiça do Rio mantivesse sem efeitos a liminar de reintegração de posse obtida pela proprietária do estacionamento que funciona no terreno onde foi demolido o edifício-sede da UNE na década de 80. O presidente da UNE, Gustavo Petta, afirmou que a entidade não sairá mais do local. Além das barracas, quatro contêineres foram instalados pela entidade na área ocupada. Em dois deles, serão montados os escritórios provisórios da diretoria. Os outros dois funcionam como banheiros, chuveiros e refeitório para os acampados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.