Igor Gadelha/Estadão
Igor Gadelha/Estadão

Deputados batem boca durante tentativa de votação no plenário; assista

'Quem está votando essa matéria é ladrão. É ladrão mesmo', diz Glauber Braga; Casa tentava votar extensão do regime fiscal aduaneiro Repetro

Daiene Cardoso e Igor Gadelha, O Estado de S.Paulo

29 Novembro 2017 | 21h50

BRASÍLIA - O clima no plenário da Câmara dos Deputados esquentou na noite desta quarta-feira, 29, durante a tentativa de votação da Medida Provisória 795, que trata da extensão do regime fiscal aduaneiro Repetro, de 2020 a 2040. O tumulto começou quando o líder do PSOL, Glauber Braga (RJ), disse no plenário que os apoiadores da MP são bandidos.

"Quem está votando essa matéria é ladrão. É ladrão mesmo", disse o deputado.

+++ Câmara aprova em 1º turno PEC que estende prazo para Estados e municípios pagarem precatórios

A afirmação foi seguida de empurra-empurra entre deputados e ação da Polícia Legislativa para acalmar os ânimos entre os parlamentares. Os governistas avisaram que vão abrir representação contra Glauber no Conselho de Ética por quebra de decoro parlamentar.

+++ Líder do PSDB reage a Padilha: 'Quantos votos o PMDB vai dar à reforma da Previdência?'

Já dura quase três horas a obstrução da oposição para evitar que a MP seja aprovada na noite desta quarta-feira. Os oposicionistas sustentam que o governo está promovendo uma renúncia fiscal em favor das gigantes internacionais do petróleo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.