Deputado que baleou adversário político renuncia ao mandato

O deputado federal Ronaldo CunhaLima (PSDB-PB), pai do atual governador do Estado, Cássio CunhaLima (PSDB), renunciou ao mandato em caráter irrevogável nestaquarta-feira. Cunha Lima atirou no adversário político Tarcísio Buriti,em 5 de dezembro de 1993, em um restaurante, e tinha julgamentomarcado no Supremo Tribunal Federal na próxima segunda-feira,informou a Agência Câmara. Com a renúncia, o deputado perde o foro privilegiado e seuprocesso deverá ser enviado à Justiça comum. Em sua carta de renúncia, Cunha Lima diz que abre mão domandato "a fim de possibilitar que esse povo (da Paraíba) mejulgue, sem prerrogativa de foro como um igual que semprefui".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.