Deputado propõe aluguel de reatores russos

O presidente da Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados, Antônio Cambraia (PSDB-CE), deu hoje uma sugestão inusitada ao governo para enfrentar a crise de energia. Ele sugeriu, durante o debate sobre a questão energética realizado no plenário da Casa, que o governo alugue submarinos nucleares russos, que ficariam estacionados na costa brasileira. Os reatores dos submarinos forneceriam a energia necessária para evitar o "apagão".A proposta de Cambraia foi tratada com ironia pelo deputado Fernando Ferro (PT-PE). Ferro disse que a Rússia tem dois péssimos exemplos na área de energia nuclear: o vazamento na usina de Chernobyl e o submarino que afundou no mar, matando todos os seus tripulantes no ano passado. Depois que acabou o depoimento dos 16 especialistas convidados, o debate no plenário da Câmara ficou por conta dos parlamentares.Os deputados da oposição acusaram sem trégua o governo e as propostas da Câmara de Gestão da Crise. A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) pediu a união de todos para brecar as privatizações no setor elétrico. O deputado Luiz Antônio Fleury (PTB-RJ), cujo partido é da base aliada, atacou a medida provisória que cria a Câmara de Gestão e que, na sua avaliação, desrespeita a Constituição.O deputado Fernando Gabeira (PV-RJ) disse que todos devem se unir para enfrentar a crise, uma vez que o governo está acuado e o presidente da República dá demonstrações de desequilíbrio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.