Deputado flagrado com dinheiro na meia deixa o DEM

Ex-presidente da Câmara do DF, Leonardo Prudente anunciou decisão quando partido analisava desfiliação

Rosa Costa, Agência Estado

23 de dezembro de 2009 | 20h53

O ex-presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal, deputado Leonardo Prudente, apresentou na noite desta quarta-feira, 23, o pedido de desfiliação do DEM. O Diretório Regional do partido estava reunido para tomar a decisão sobre a expulsão ou não do parlamentar, mas Prudente acabou pedindo sua desfiliação da sigla.

Prudente é acusado de envolvimento no chamado mensalão do DEM. Em vídeos gravados com autorização da Polícia Federal (PF), durante a Operação Caixa de Pandora, ele aparece recebendo maços de dinheiro de propina e guardando-os nos bolsos e até mesmo nas meias.

Tudo o que sabemos sobre:
mensalãoDFDEMLeonardo Prudente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.