Deputado do PPS quer punir João Paulo por quebra de decoro

O deputado Raul Jungmann (PPS-PE) apresentou requerimento à Mesa da Câmara dos Deputados contra o presidente da Casa, João Paulo Cunha (PT-SP), pedindo seu enquadramento por quebra de decoro parlamentar. O motivo foi a sua iniciativa de xingar o presidente do PPS, deputado Roberto Freire (PE), de ?cretino? na sessão plenária em que foi votado o salário mínimo de R$ 260, na quarta-feira. Como prova da acusação, Jungmann anexou à denúncia um vídeo com imagens feitas pela TV Câmara em que aparece João Paulo dizendo: ?Freire você é um cretino?, após afastar seu microfone, daí porque a agressão não consta nas notas taquigráficas. ?Roberto fez uma crítica política e ele respondeu com uma crítica pessoal?, acusou. ?O episódio feriu a todos nós e mostrou seu despreparo para exercer o cargo?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.